domingo, 19 de agosto de 2007

Constructing (HIC!) the future (hiic!)


Hoje a NASA postou uma foto entitulada "Constructing the future". A imagem é essa que você vê aqui ao lado. Bonito, não? Homens se aventurando num espaço infinito pelo bem de toda a humanidade. Engraçado; eu pensava que homens se arriscavam ainda mais para construir cidades inteiras, bem aqui, perto de nós.

Não é questão de menosprezar o trabalho de vários astronautas que, inquestionavelmente, se embrenham no pseudo-vácuo a fim de construir, tijolo a tijolo (figurativamente, gente, por favor), um futuro muito sólido para os terráqueos lá fora. Eu só não entendo por que muitos homens, humildes, não são tão prezados como eles. Veja só: o seu nicho foi construído por mãos calejadas, de pessoas que passam por momentos difíceis todos os dias. Eles vivem cada dia sem saber se amanhã tudo estará bem. Ou seja, todo momento é um desafio para essa gente. Não há segurança total em seu trabalho, o salário é baixo e os direitos que têm, são (muito) parcialmente reconhecidos. E, além de montarem a sua casa, eles montam as demais casas, edifícios, consolidam lojas, enfim: erguem os nossos municípios e cidades. São eles que levantaram países como o nosso, e continuam trabalhando nele. Se não fosse por essas pessoas, quem teria construído todo esse espaço habitável? E, seguindo a lógica pura, se não houvesse todo esse meio, como os futuros astronautas poderiam crescer, se desenvolver e, ao fim, chegar no espaço sideral?

O que me entristece é que enquanto crianças querem crescer e ser “marujos do espaço”, ninguém (arre, essa generalização) valoriza os nossos construtores. A base de todo crescimento edificado. Por favor, me digam: qual a graça em honrar indivíduos que trabalham (pilotam!) embriagados e esquecer dos que suam, se cansam e mal têm dinheiro e tempo para comprar sua bebida?

Mais uma vez: não me vem à cabeça criticar os astronautas como um todo. Além do mais, todo esse avanço tecnológico e científico me embasbaca. Nada disso condiz à NASA, mas a nós mesmos. Se não damos o devido valor aos que constroem aqui na Terra, como valorizamos o que está fora de nossa órbita?





Pensando bem, vou postar uma foto também:

"Construindo o Passado, o Presente e o Futuro"

4 comentários:

Bee ah! disse...

"Aqui ao lado" lê-se também (de preferência) aqui acima.

Patrick disse...

Continue postando, Bia. Compartilhe seu talento com nós, meros seres humanos. Afinal de contas, isso não é um texto. Isso é uma aula. Um dia eu escrevo assim. Ou não. :X

Monique disse...

Patrick disse tudo.
aheuiaheiuaheiuaehea.

Muito booom mesmo, clap clap clap.

=******

João Lodi disse...

Patrick disse tudo. [2]

A gente pode negociar... você me ensina a escrever e eu te ensino a contar!

O que acha?

:D